Pronto para uma nova arressaca!

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Pronto para uma nova arressaca!

Mensagem por Andréas Papandréou em Sab 27 Dez 2014, 17:17

1 de Dezembro de 2014, Academia Unlimited de São Miguel, Açores

Henrique Coelho: Vamos lá meus pitxenos! Está na hora da saudação final! Todos alinhados!

Crianças (em uníssono): Sim mestre!

Henrique Coelho: Sensei ni REI! Muito bem, bom treino, até à próxima!

Henrique Coelho, o melhor lutador açoriano de sempre acabava de dar uma das suas aulas de judo na nova academia unlimited de São Miguel. Depois do encerramento da VLL, Henrique regressou à sua amada terra onde tenciona agora ensinar judo e jiu-jitsu a vários jovens açorianos. A sua vaca Miquelina vai com ele para todo o lado e para distâncias mais curtas, até é o seu meio de transporte. Gueixão, agora mais crescido, encontra-se na antiga quinta dos seus pais. Henrique tornou-se rapidamente numa celebridade e uma figura de respeito pelo arquipélago dos Açores e não há um único dia em que não seja parado na rua para entrega de autógrafos. O à vontade de Henrique em interagir com toda a população sem qualquer problema, contribuiu também para a economia dos Açores, pois atrai fãs de wrestling por toda a parte e também devido à sua participação em vários programas, eventos e campanhas publicitárias nos Açores.

Após o treino, Henrique abandona o tapete e tenta dirigir-se ao balneário. No entanto, é interpolado por um homem de fato e gravata e outro com uma câmara de filmar na mão.

???: Boa tarde brassad Coelho!

Henrique olha surpreendido para o sujeito, mas ao notar que é açoriano, esboça um sorriso amigável.

Henrique Coelho: Boa tarde! O que os meus binsuades desejam?

???: Bom, o meu nome é Marco Paz e sou repórter da RTPAçores e gostaria de lhe fazer uma entrevista sobre as suas experiências profissionais num segmento chamado "Corrigindo o Marco". O segmento é um pouco humorístico e basicamente eu irei dizer algumas frases que supostamente contrariam a realidade e os meus convidados têm de as corrigir.

Henrique Coelho: Bom, é original pelo menos. Nada menos esperava de um açoriano! Originalidade acima de tudo! Vamos a isso então!

Marco Paz: Explêndido! Pode ser aqui na academia?

Henrique Coelho: Pode sim! Vou buscar duas cadeiras, têm é de se descalçar.

Marco Paz: Descalçar?

Henrique Coelho: Sim. No meu tapete ninguém entra com sapatos.

Marco Paz: Ah...certo.

O repórter e o cameraman começam a descalçar-se. Um cheiro arrepiante começa a surgir...

Henrique Coelho: Ah e comida não pode entrar aqui também.

Marco Paz: Comida? Não tenho aqui comida comigo.

Henrique Coelho: Brassad, não me minta por favor. Cheira-me a queijo Terra Nost...

Henrique olha para os pés de Marco e apercebe-se que o cheiro vem de lá.

Henrique Coelho: Esqueça, foi impressão minha. Vamos começar então.

Henrique e Marco sentam-se nas cadeiras frente a frente e o cameraman começa a emissão.

Marco Paz: Boa tarde senhoras e senhores. O meu nome é Marco Paz e sejam bem vindos a mais um segmento de "Corrigindo o Marco". O meu convidado de hoje é o ex-campeão nacional e ex-campeão da Vanguarda da extinta companhia de wrestling, Vanguarda da Luta Livre.

Henrique Coelho: Obrigado por me receberem aqui.

Marco Paz: Só para os espetadores mais desatentos perceberem quem é esta figura, Henrique é um lutador nato e natural de São Miguel. É praticante de várias artes marciais, sendo que as suas especialidades são o judo e o jiu-jitsu. Henrique entrou no mundo do wrestling aqui mesmo, onde foi a referência no mundo de backyard wrestling. Antes disso, conquistou títulos importantes na formação de judo, chegando mesmo à seleção nacional. Henrique tomou a decisão de mostrar o seu talento a todo o mundo e ingressou na VLL, a maior potência de wrestling em Portugal naquela altura. Lá ganhou muitos inimigos as muitos fãs também, nao tivesse ele ganho 2 títulos, lutado pelo principal e inclusive ganhou um prémio anual. Este é então um resumo da sua história.

Henrique Coelho: Exatamente, tudo certo até ao momento.

Marco Paz: Henrique também é adepto de animais, sendo que é dono de um porco enorme chamado Ronaldo.

Henrique Coelho: Exato, exato. Espere, o quê?

Marco Paz: Você já entrou no jogo Henrique. Corrija-me se estiver errado.

Henrique Coelho: Ah, pois...bom, isso não é verdade. Em primeiro lugar, não sou "dono" de nenhum animal, muito menos um porco chamado Ronaldo. Tenho uma amiga de infância que acompanha-me para todo o lado. Chama-se Miquelina e é uma vaca. Uma grande, forte e linda vaca que recentemente deu à luz a uma vitela chamada Gueixão.

Marco Paz: Muito bem. Quem é o pai? Já se falou de porcos e vacas, o pai deve ser um javali!

Marco começa a rir, bem como o cameraman. Henrique fica sério a olhar para Marco.

Marco Paz: Henrique? Esta é a parte que me contraria.

Henrique Coelho: Eu sei. Continue.

Marco Paz: Mas...ah. Já entendi. A sério?

Henrique Coelho (suspirando): Sim.

Marco Paz: Bom...vamos continuar então. Certamente que Henrique detestou por completo a sua passagem na VLL. Certo?

Henrique Coelho: Errado. Se não gostasse de lá estar, não teria arriscado sair daqui. O que é certo é que detestei muita gente lá. Pessoas como Rob Este, Moore SD, Verme, Alberto Valente, Timó Pedroso e até Zé Tó. Para ser sincero, o único amigo que fiz na Vanguarda foi um dos funcionários de backstage e mesmo assim fiz-lhe a vida negra. Eu adorei a VLL, pela possibilidade de mostrar as minhas capacidades no ringue e provar aos continentais a verdadeira força dos Açores. Por algum motivo cheguei a ser cabeça de cartaz e fui dos melhores campeões de sempre daquela federação. Isso é indiscutível!

Marco Paz: Então ficou feliz com o fim prematuro da federação certo?

Henrique Coelho: Errado novamente. Os últimos meses foram muito enervantes para todos os lutadores e funcionários. Muitas mudanças em pouco tempo. Numa semana estávamos na RTP e na outra estavamos na SIC Radical. Tínhamos um dono diferente a cada duas semanas, eu já nem sabia quem me pagava os ordenados. Infelizmente terminou numa fase em que eu podia ter chegado ao topo da escada e isso deixou-me frustrado. Sinto que o mundo não chegou a conhecer o verdadeiro Henrique.

Marco Paz: E agora voltou à sua terra para abrir uma empresa de Design chamada "Razor Design".

Henrique Coelho: Você é um brassad com pouca piada sabia? Não. Voltei para descansar. Para reviver os belos prados dos Açores e dar ao Gueixão a oportunidade de conhecer um verdadeiro campo verde e ar puro. Aqui não há federações de wrestling, mas o mundo das lutas era algo que queria ter sempre comigo. Então fui convidado pela Academia Unlimited para ser treinador de judo e jiu-jitsu a pessoas de todas as idades aqui da região.

Marco Paz: Então a carreira de lutador profissional terminou.

Henrique Coelho: Como?

Marco Paz: Terminou, já não regressa aos ringues, somente vai dar aulas.

Henrique Coelho: Ah..sim. Quer dizer, não. Essa pergunta é complicada. O gosto pelo wrestling ainda existe. Continuo a pensar em arressacas e provar que o povo açoriano é o mais forte. Ainda estou em forma, não é por estar a dar aulas que regredi. Antes pelo contrário, tenho aperfeiçoado a minha técnica, sinto-me ainda melhor. Simplesmente não tive convites de federações de wrestling porque...elas não existem. Sim, existe o circuito independente, mas isso é pequeno demais para mim. Prefiro esperar por uma oportunidade melhor do que ganhar uns trocos a bater em mortos. Mas dificilmente haverá outra como a VLL.

Marco Paz: E então o senhor tem previsões para o futuro?

Henrique Coelho: Não era suposto eu contrariar frases? Você fez-me uma pergunta agora.

Marco Paz: Tem toda a razão. Isso conta como uma correção, você está muito atento!

Henrique Coelho: Para se ser bom lutador, a mente tem de estar em consonância com o corpo.

Marco Paz: Cetamente.

Henrique Coelho: Certamente.

Marco Paz: Sim, isso. Estamos a chegar ao fim. O futuro não parece nada risonho para a sensação açoriana...

Henrique Coelho: Isso até pode vir a ser verdade, mas não tenciono baixar os braços e contentar-me com pouco. A vida é uma bezuga que tem de ser domada. Temos de nos fazer à vida e dar o nosso melhor para que tenhamos um bom futuro.

Marco Paz: E o seu futuro é aqui na Academia Unlimited de São Miguel.

Henrique fica a olhar para Marco e abre a boca para responder, mas nada lhe sai.

Marco Paz: É isso não é?

Henrique Coelho: Está a ficar tarde e tenho mais uma aula daqui a uns minutos. Este é o meu presente e é tudo o que sei. Obrigado por me receber no seu segmento Marco.

Marco Paz: Ah...com certeza Brassad Henrique. Eu é que agradeço! Senhoras e senhores, o meu nome é Marco Paz e este é o meu convidado Henrique Coelho e obrigado por assistirem a mais um "Corrigindo o Marco". Até para a próxima!

O cameraman termina a filmagem e Henrique e Marco despedem-se. O repórter vai-se embora e Henrique  fica sentado na cadeira com ar bastante pensativo e nervoso.

Henrique Coelho: Arre gaita! Desta é que não esperava! O que será o meu futuro?!

???: Talvez eu possa responder a isso.

Henrique levanta a cabeça e olha para a entrada da academia e vê outro homem de fato e gravata.

Henrique Coelho: Peço desculpa mas não faço mais entrevistas hoje.

???: Aposto que esta vai querer.

Henrique Coelho: Como assim? Quem é você? Não tem sotaque açoriano!

???: O meu nome é Bruno Pavão e sou o presidente de uma nova federação de wrestling em Portugal que projeta ter um enorme sucesso. Chama-se Ultimate Wrestling League e estava a procura de um certo lutador açoriano para se juntar...

Henrique fica a olhar intrigado para Bruno e a sua confiança nas suas palavras. Apercebe-se que há potencial em prolongar diálogo com tal homem e esboça um sorriso. Henrique vai buscar um papel e caneta e escreve "TREINO ADIADO" e cola o papel à porta da academia e fecha-a, continuando a conversa com Bruno Pavão.
avatar
Andréas Papandréou
Pantomimus

Mensagens : 106
Data de inscrição : 23/12/2014
Idade : 22

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum