Uma promessa cumprida pela metade

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Uma promessa cumprida pela metade

Mensagem por Guerra em Qui 05 Fev 2015, 12:16

Vinícius Nunes estava em seu carro, no banco de traz da limusine, dessa veze ele estava sozinho e saía do Battlecry com um ar insatisfeito, muito pela derrota de Lucas, e por ter levado um soco de Fedrix durante o evento, o orgulho e o planejamento foram afetados. Ele pegou o seu celular, e fez uma ligação para Marcondes, o representante e gerente da empresa onde os pais de Lucas Teles trabalhavam. 

Vinícius: Alô Marcondes? 

Marcondes: Sim, chefe, o que o senhor deseja? 

Vinícius: Demita Valéria Teles agora... 

Marcondes: Mas senhor... Não tenho motivos pra fazer isso, ela e o marido são profissionais excelentes! 

Vinícius: Então, você deve arranjar um motivo e demita ela, pois sou eu que mando nisso, ok? 

Marcondes: Vou dar um jeito... 

Vinícius desligou. 

Vinícius: Ótimo, aquele incompetente agora vai aprender que fracassos não serão mais tolerados... Espero que ele entenda isso, ou o papai dele também vai perder o emprego... E esse Fedrix... Acho que tenho um plano para ele...
avatar
Guerra
Júlio Guerra

Mensagens : 221
Data de inscrição : 19/05/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Uma promessa cumprida pela metade

Mensagem por Guerra em Sab 14 Fev 2015, 02:25

O cenário é o mesmo, ringue da Academia Mário Cézar Leal, lá estavam Mário Cézar e Lucas Teles, Lucas com sua roupa habitual e Mário com camisa preta sem mangas e com uma calça preta e bota de wrestling, os dois tinham acabado de treinar, pois Mário teve que treinar Lucas porque Geraldo Lemos não pôde ir. 

Lucas: Enfim... O Vinícius não pode fazer isso... Ele não poderia demitir a minha mãe... Ele sabe muito bem que eu posso falar pra todos a farsa que ele é... 

Mário: É... Daí, o teu pai perde o emprego e tu também perdes o emprego, Vinícius é rico, tu não deves te meter com alguém que está lá em cima... 

Lucas: Duvido que ele tenha coragem, ele tem muito mais a perder.... 

Mário se levanta e sorri de maneira irônica para Lucas. 

Mário: Tem mesmo? 

Lucas: Claro que tem... Muitas das publicidades que ele faz é pela fama de bom moço que tem... O que na verdade nunca foi, só o Gante que sabia quem ele realmente era... 

Mário: Tu não sabes que o Vinícius pode custar o teu sonho? E a chance dos teus pais terem algum jeito de sobreviver de maneira digna? 

Lucas ficou balançado. 

Lucas: O que ele pode fazer? 

Mário: Olha... Ele tem dinheiro, ele tem contatos... Ele pode fechar todas as portas pra você e para os teus pais... Você quer mesmo bater de frente com alguém dessa magnitude? 

Lucas ficou perplexo em primeiro momento, depois o abatimento tomou conta dele, pois ele se imaginava como um herói, alguém com orgulho, alguém com força, alguém como Vegeta, porém ele era apenas uma peça no tabuleiro de xadrez de Vinícius Nunes. 

Lucas: Entendi... Alguma publicidade terá que ser feita para o combate contra Henrique Coelho? 

Mário: Não... Só irás responder, caso seja necessário... O Coelho tem andado sumido... Mas amanhã terás que fazer algo contra o Fedrix... O Vinícius está bem fodido com ele, até hoje ele não engoliu aquele soco... 

Lucas: Entendo... Bem, mas não seria coerente eu mostrar pros fãs que quero vingança do homem que me eliminou no torneio? 

Mário: O plano do Vinícius é não fazer muito por enquanto, tu deves esperar algo dele e depois contra-atacar entendeu? Só deves treinar... Treinarás amanhã e depois de amanhã...  

Lucas: Tudo bem... Mas farei um post nas redes sociais sobre o combate. 

Mário: Que seja... Agora estás dispensado... Até amanhã, Geraldo só volta em Março... 

Lucas: Vou no vestiário trocar de roupa... Adeus... 

Lucas estava saindo do ringue até que... 

Mário: Lucas! 

Lucas se volta para Mário que continua em pé no centro do ringue. 

Lucas: O que foi? 

Mário: Não faça nenhuma besteira... O Vinícius é muito perigoso, mais forte que nós todos... Estarei contigo segunda... 

Lucas: Tudo bem Mário, entendi... Até mais... 

Mário: Até... 

Lucas saiu do ringue e ficou a pensar sobre o alerta feito por Mário, esse Mário lembrou muito mais aquele que era o seu querido padrinho durante a infância, parece que na verdade ele nunca mudou e que o medo o faz agir desse jeito, e pensou que de alguma forma ele venceria a guerra contra Vinícius Nunes e para isso, bem, para isso precisa vencer o Henrique Coelho na segunda e começar uma trajetória vitoriosa no wrestling.
avatar
Guerra
Júlio Guerra

Mensagens : 221
Data de inscrição : 19/05/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum